Em sessão extraordinária Câmara Municipal aprova projeto que reajusta em 20% o salário dos servidores municipal.

A urgência da pauta deve se ao tempo hábil para que os servidores possam ser beneficiados com esse reajuste salarial na folha de pagamento ainda neste mês de janeiro

Por Adauto Dias / diasms em 19/01/2022 às 16:55:36

Vereadores na sessão extraordinária - Foto Adauto Dias

Com esforços de todos os vereadores que compõem a Câmara Municipal de Glória de Dourados MS, reuniram em sessão extraordinária na noite desta terça-feira 18, para leitura, votação e aprovação por unanimidade, os projetos de lei enviados pelo executivo municipal que reajusta em 20% os salário dos servidores municipal.

A urgência da pauta deve se ao tempo hábil para que os servidores possam ser beneficiados com esse reajuste salarial na folha de pagamento ainda neste mês de janeiro, já que a aprovação dos índices de reajustes só foi divulgado pelo governo federal neste ano de 2022.

Os vereadores gloriadouradense sempre lutaram em busca de melhores condições de vida para todos os servidores e seus familiares, desta vez não foi diferente, quando solicitados para esta sessão extra, antecipando o ano legislativo de 2022.

O vereador e presidente da casa de leis Júlio Cleverton dos Santos - Buguelo, usando da parte legal no encerramento da sessão, agradeceu a colaboração e comparecimento de todos os edis, pela preocupação em aprovar o reajuste em tempo para que seja efetuado ainda neste mês. Agradeceu também o empenho do prefeito Aristeu Nantes pela dedicação, logo que saiu o índice de reajuste, acionou toda sua equipe econômica para elaborar o projeto e enviar para o legislativo municipal dar continuidade e aprovar sem restrições, favorecendo todo o funcionalismo municipal.

Os vereadores desta legislatura são; Antônio Carlos da Silva Vieira (Patrioita), Caio Gracia (Patriota), Cláudia Regina Marangoni Bom (Cláudia Carreiro) (Patriota), Carmo Felismino dos Santos (Sacolão) (MDB), Júlio Cléverton dos Santos (Buguelo) (PT), Milton Cesar Gomes (PSDB), Reginaldo Costa Borges (Nene) (PSDB), Robson Ornelas (Patriota) e Lucineia Marinho de Oliveira Nogueira (Néia) (PSB).



Comunicar erro