Acusado de assassinar quatro pessoas, ‘Paraguaio’ é detido e queimado por populares em praça

Estava foragido da Justiça brasileira

| MIDIAMAX


(Foto: El Deber)

Foi detido por populares no meio da rua da cidade de San Matias, na Bolívia que faz fronteira com Corumbá a 444 quilômetros de Campo Grande, um homem conhecido como ‘Paraguaio’ que estava foragido da Justiça depois de ser acusado de assassinar quatro pessoas.

Ele foi morto a tiros por populares que o encontraram escondido em meio a arbustos e depois levado até uma praça pública, onde teve o corpo queimado. Nesta segunda-feira (14), o procurador Roger Mariaca falou ao Jornal El Deber, que as pessoas deveriam ter detido ele e entregue a polícia.

Os fatos serão esclarecidos pelas autoridades sobre a população fazer justiça com as próprias mãos. Militares do Exército boliviano teriam visto a cena e não teriam feito nada para impedir. ‘Paraguaio’ teria assassinado quatro pessoas na zona de fronteira. Outras quatro pessoas estão presas pelo crime.