Jurado de morte, rapaz é executado com namorada quando comemorava aniversário em bar

Mais de 40 projéteis foram recuperados no local

| MIDIAMAX


O casal, Luís Mateo Martinez Armoa, de 26 anos, e sua namorada, Anabel Mancuello Centurion, de 22 anos, foi executado na noite desta segunda-feira (26), em uma choperia de Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande, quando comemoravam o aniversário de Luís. Ele estava jurado de morte.

O ataque aconteceu por volta das 22 horas desta segunda (26), quando o rapaz, que era conhecido como ‘Matheus Elefante’, foi executado com mais de 40 tiros junto da namorada. Os atiradores estavam em uma camionete Hilux.

Segundo o site Ponta Porã News, Luís seria ladrão de celulares e estaria jurado de morte pelos ‘justiceiros da fronteira’. Ainda de acordo com informações, após a execução, um bilhete foi deixado junto ao corpo de Luís, onde dizia: “Favor não roubar, assinado: justiceiros da fronteira'. Mais de 40 projéteis foram recuperados pela polícia. 

Câmeras de segurança que ficam em estabelecimentos na região podem ter gravado o momento da execução.